domingo, 19 de junho de 2011

Lembranças

Certo dia, eu e minha família estávamos olhando os álbuns de fotos, que temos em casa. E no meio daquela nostalgia toda, viajei em meus pensamentos, lembrando de quando era criança e nem por um segundo se passava pela minha cabeça, que viveria tantas emoções: boas e ruins.
Sempre falo que deveria ter aproveitado mais aquele tempo, em que tudo era mais “simples”, mais fácil… Eu observava os adultos, e queria ser como eles, mas eu não sabia que crescer me obrigaria a tomar tantas decisões difíceis, não sabia que crescer significava ter mais responsabilidades. Na verdade eu não sabia o que significava realmente, crescer!
Mas “hoje”, olhando para aquelas fotos, vejo que de uma maneira ou outra, as coisas iriam ter que mudar. Transformações iriam acontecer, não apenas comigo. Eu cresci,mudei,tentei, errei e aprendi. E hoje,o que me resta,é apenas a saudade.
Sei que tenho muito tempo pela frente, não sou nenhuma idosa, rs. Mas, conforme os anos se passam, a saudade aumenta, e é incrível como a todo momento, penso: “ah, como eu queria voltar naqueles tempos”.
Por isso, o mínimo que posso fazer, é viver o “hoje” intensamente. E isso significa não se preocupar com o amanhã, e não viver em função do passado. Vamos sorrir mais, se divertir mais, ajudar mais, ouvir mais. Vamos dar valor às coisas simples da vida.








2 comentários:

  1. Gostei muito do texto. Quando nos encontrarmos, vou levar alguns livros para aumentar suas leituras. // Marcelo Assim

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...